Nazaré inspirou Garret McNamara. ecoTours Portugal Blog
Top Banner Background

Blog Viagens em Portugal

Nazaré, a cidade que inspirou o famoso McNamara

Nazaré, a cidade que inspirou o famoso McNamara

novembro 27, 2017

Nazaré é uma pequena cidade, plantada na costa do Oceano Atlântico. Um dia, o famoso surfirsta McNamara descobriu este humilde lugar e imediatamente se apaixonou.

As ondas, as pessoas, a herança cultural e as suas tradições o inspiraram e, agora, McNamara pertence à história desta cidade. 

Numa devoção a um pequeno pedaço de terra que, outrora, impressionou o famoso surfista Garret McNamara com as suas fantásticas ondas, clima e locais. Nazaré é o lugar a visitar.

A cidade de Nazaré

Portugal é um país antigo e todos os seus lugares, mesmo que não muito famosos, escondem centenas de histórias, capazes de inspirar pessoas por todo o mundo. Capaz de nos fazer sentir calmos e agradecidos a cada momento que lá passamos, a Nazaré encontra-se repleta de ótimas razões para que seja o seu próximo destino de férias.

Uma cidade encantadora, plantada à beira mar, a Nazaré irá deixá-lo sem ar

Diferente das grandiosas cidades de Portugal, é o ambiente local que faz com a Nazaré seja tão especial; uma cidade tão cheia de amor e tradição que poderia até ser considerada “Mãe” de todas as outras cidades portuguesas. Casa de três pequenas vilas: Praia, uma das vilas piscatórias mais tradicionais do país; Pederneira, situada no topo de uma montanha, aqui poderá encontrar um templo fantástico do século XVII, classificado como Monumento de Interesse Público; e o Sítio onde, segundo reza a lenda, Dão Fuas Roupinho terá encontrado, numa cave, uma imagem da Virgem Maria, trazida diretamente na Nazaré da Palestina. O Sítio é um lugar de paragem obrigatória. A harmonia entre as suas rochas, elevadas a 318 metros, e o mar que nelas embate, transforma este local numa das vistas panorâmicas mais famosas na costa Portuguesa.

Com a sua fama a crescer a cada dia, Nazaré tem um clima calmo e paisagens naturais tão incríveis que o convidam a visitar a cidade, sem hesitar!

O Surf na Nazaré

Não lhe parece que até a palavra “Nazaré” esconde um tom melódico? O mesmo acontece com a sua praia e as ondas que nela desenrolam. A praia de Nazaré é conhecida em Portugal por várias razões: boas ondas, surf, pesca e por ser a escolhida por muitas famílias Portuguesas durante as férias de Verão.

As suas ondas gigantes são famosas por todo o Mundo

Com o regresso das ondas, surfistas como o americano McNamara escolhem este destino como o lugar ideal para viver a adrenalina que encontrará em cima de uma prancha de surf. Em 2011, Garret McNamara alcançou o impossível – tendo-se aventurado a surfar uma onda impressionante de 24 metros, que o tornou protagonista do Recorde Mundial do Guiness. “Intenso e quase mítico” foi a única descrição que ele conseguiu dar sobre a sensação de viver uma das maiores ondas na história do surf.

E, se surfar em ondas gigantes, ou até mesmo observá-las é algo que gosta de fazer, então a Nazaré tem o desafio ideal para você! Chamado de “O Roteiro das Ondas Gigantes”, este roteiro pertence à Liga Mundial do Surf e decorre entre os dias 15 de Outubro e 31 de Dezembro. Nazaré é definitivamente “o” lugar para todos os surfistas deste mundo e encontra-se sempre de braços abertos para o receber. 

As tradições de Nazaré

É sempre fantástico chegar a este local e ver todas as suas tradições tão bem conservadas pelo seu povo.

O traje típico das "Sete Saias" é uma das tradições mais conhecidas desta cidade

Já alguma vez reparou nas idosas locais, a vender o seu peixe, com os lenços escuros a cobrir as suas cabeças e longas saias? Pois, é isso mesmo que irá encontrar em Nazaré. As tão conhecidas mulheres, apelidadas de “peixeiras”, usam o traje tradicional nazareno, a que chamamos de “As Sete Saias de Nazaré”, formado por sete camadas de saias coloridas, os típicos tamancos de madeira e um lenço negro na cabeça. Algumas pessoas afirmam que as sete camadas de saias representam os dias da semana, as cores do arco-íris ou até o número sete (normalmente reconhecido como o número da sorte). Mas, o que sabemos de verdade é que todo este folclore tradicional contribui para toda a substância da história de Nazaré.

A tradição sempre foi transmitida como uma parte do coração de cada Nazareno a acolher quem visita a sua amável cidade. O amor está por todo o lado na Nazaré e é impossível ficar indiferente.

A Gastronomia

A gastronomia de Nazaré está cheia de pequenas surpresas para o seu palato. Peixe e marisco são os reis da gastronomia e, se for a um restaurante típico desta região, não hesite em pedir a cataplana de peixe, um arroz de marisco divinal ou a caldeirada nazarena. Ah, e não se esqueça da bebida perfeita para acompanhar estes pratos: uma cerveja bem gelada! Temos quase a certeza que McNamara iria recomendar um delicioso prato de peixe e vegetais – simples, delicioso e reconfortante.

A Caldeirada Nazarena é de "comer e chorar por mais"

Carinhosa e acolhedora – assim é Nazaré. Não importa se a visita apenas pelas suas ondas gigantes ou se vai à procura de bons momentos nas suas próximas férias. A Nazaré será sempre aquele recanto português onde todos se sentem em casa.

Aviso! Ao continuar a navegar está a concordar com a utilização de cookies neste site.
Conheça a nossa Política de Privacidade e Informações sobre Cookies